Telefones para contato:
(11) 5061-4300 / (11) 2063-5371 / (11) 5089-2588

Você esta aqui: Home » Informações » Pedras Granito

Pedras Granito

Pedras Granito

Orçamento de Pedras Granito

Ligue para (11) 5061-4300 / (11) 2063-5371 / (11) 5089-2588 ou entre em contato por email.

Tradicional empresa de comércio de Pedras Mármores e pedras Granitos, a Pedras Ipiranga está estabelecida no mercado há 40 anos.

Pedras Granito

Em três endereços próprios para melhor lhe atender, contamos com amplo estoque e mostruário variado, visando oferecer a melhor escolha para o acabamento de sua obra.

Devido à comprovada experiência adquirida ao longo destes 40 anos de atuação junto ao mercado de Pedras Mármores e pedras Granitos, a Pedras Ipiranga também se destaca por ser referência na prestação de serviço de mão de obra, formada por profissionais treinados e especialistas na instalação de nossos produtos, proporcionando a perfeita utilização, somada à garantia contratual de entrega dentro do prazo estabelecido, respeitando as especialidades e eventualidades de cada obra.

Todos os nossos produtos possuem certificação de origem, garantindo a melhor qualidade de acabamento, com absoluto respeito às diretrizes de sustentabilidade deste segmento de mercado, em relação às políticas de meio ambiente.

Ligue para nosso telefone acima e comprove as vantagens e os benefícios que somente a Pedras Ipiranga pode lhe oferecer.

Orçamento de Pedras Granito

Ligue para (11) 5061-4300 / (11) 2063-5371 / (11) 5089-2588 ou entre em contato por email.

VARIEDADES DE PEDRA GRANITO

  • Pedra Granito Amarelo Damasco
  • Pedra Granito Amarelo Maracujá
  • Pedra Granito Amarelo Ornamentla
  • Pedra Granito Amarelo Santa Cecília
  • Pedra Granito Amarelo São Francisco
  • Pedra Granito Amêndoa Graúdo
  • Pedra Granito Amêndoa Miúdo
  • Pedra Granito Arabesco – MG6
  • Pedra Granito Azul Royal
  • Pedra Granito Blue Star
  • Pedra Granito Branco Aqualux
  • Pedra Granito Branco Caravelas
  • Pedra Granito Branco Dallas
  • Pedra Granito Branco Himalaia
  • Pedra Granito Branco Itaúnas
  • Pedra Granito Branco Paris
  • Pedra Granito Branco Piracema
  • Pedra Granito Branco Polar Exportação
  • Pedra Granito Café Bahia
  • Pedra Granito Café Imperial
  • Pedra Granito Café Olinda
  • Pedra Granito Cinza Andorinha
  • Pedra Granito Cinza Az de Paus
  • Pedra Granito Cinza Corumbá
  • Pedra Granito Cinza Mauá
  • Pedra Granito Juparana Gold
  • Pedra Granito Kinawa
  • Pedra Granito Marrom São Paulo
  • Pedra Granito Ocre Itabira
  • Pedra Granito Ouro Brasil
  • Pedra Granito Preto Absoluto
  • Pedra Granito Preto Indiano
  • Pedra Granito Preto São Gabriel
  • Pedra Granito Red Dragon
  • Pedra Granito Rosa Iracema
  • Pedra Granito Verde Candeias
  • Pedra Granito Verde Jade
  • Pedra Granito Verde Marinace
  • Pedra Granito Verde Tunas
  • Pedra Granito Verde Ubatuba
  • Pedra Granito Vermelho Bragança
  • Pedra Granito Vermelho Capão Bonito
  • Pedra Granito Yellow Jaguar


GRANITO – DEFINIÇÃO / INFORMAÇÕES

O Granito é uma rocha ígnea de grão variável, de altíssima resistência, composta, essencialmente, por três minerais: quartzo, mica e feldspatos alcalinos.

O componente do Granito denominado quartzo, por ser um mineral incolor, causa o efeito vitrificado desta qualidade de pedra, também conhecido por efeito translúcido, muito comum nos Granitos.

O Granito é originário da fusão de lava vulcânica, magma, a partir do interior da terra para a superfície, onde ocorre seu resfriamento, solidificação e cristalização, última etapa da formação do Granito bruto.

Há alguns pesquisadores e autoridades geológicas que admitam a possibilidade de que o Granito seja gerado a partir de massa sólida, ou seja, a partir de outras rochas, em razão de fusões, milenares e complexas, capazes de conceber a pedra de Granito, sem o evento do magma em estado líquido.

Conforme definição da Associação Brasileira da Indústria de Rochas Ornamentais – ABIROCHAS - Granito é uma espécie do gênero Rochas Silicáticas, o qual abrange monzonitos, granodioritos, charnockitos, sienitos, dioritos, diabásios/basaltos e os próprios Granitos.

A gênese do Granito, a exemplo do Mármore, está relacionada a fenômenos metamórficos, que denotam um processo de transformação peculiar, a partir de outras rochas, em diferentes estados físicos.

A coloração e tonalidade do Granito se deve, principalmente, em razão da concentração e tonalidades dos feldspatos.

O Granito é utilizado como pedra ornamental, substrato para estátuas, bustos e principalmente como revestimento para construção civil.

A principal vantagem do Granito em relação ao Mármore se verifica em razão da dureza conferida ao Granito graças à predominância de quartzo em sua composição, desta forma o Granito, em geral, é mais resistente a fatores de deterioração, quando comparado aos tipos regulares de Mármore.

Em relação à rugosidade da superfície polida, em geral, o Granito é menos poroso que a grande maioria dos Mármores.

O Granito, de maneira geral, caracteriza-se pela altíssima resistência mecânica sendo absolutamente indicado para suportar intensos atritos mecânicos e de tráfego, notadamente, pisos de condomínios, pisos de shopping centers, pisos de hospitais e pisos para áreas de grande circulação.

O Granito, em razão do aclamado apelo estético, aliado a comprovada resistência aos efeitos da abrasão física e química, é utilizado há milhares de anos em fachadas de edifícios e revestimento de interiores.

A superfície do Granito, a exemplo do Mármore, se apresenta em razão de variados fatores, dentre os mais eminentes estão à origem, o processo de extração, o processo de lapidação e polimento.

O beneficiamento do Granito busca atingir a menor rugosidade da face aparente, considerando às possibilidades da granulometria específica da pedra bruta.

Fanerítica, que significa, “formada por grãos de cristais que se podem analisar a olho nu”, define a textura dos Granitos, restando por certo que algumas qualidades de pedras Granito oferecem uma textura exclusiva, cabendo destaque ao Granito calco-alcalinos biotíticos com megacristais e granulado grosseiro, também popularmente denominados, pedras Granito dente de cavalo.

A diferença aleatória na quantidade e qualidades destes componentes do Granito é responsável pelas diversas variedades de pedras, tais como, pedras Granitos moscovíticos, pedras Granitos biotíticos, pedras Granitos turmalínicos e pedras Granitos de duas micas.

O Granito, em sua variação enegrecida, reflete sua composição formada por minerais máficos, silicatos ferro-magnesianos, aleatoriamente impregnada na gênese das rochas silicatadas.

A variação da quantidade e da qualidade de feldspatos, basicamente, plagióclases, ortóclase e microclina, na composição do Granito, define o padrão cromático das Pedras Silicáticas, apresentando assim as tonalidades cinza, rosa, vermelha e creme a este tipo de pedra ornamental.

Um bom exemplo do Granito rosado são as jazidas de pedras Granitos de Monção e da Serra do Geres, em Portugal, na Zona Centro-Ibérica, deste país.

Nos Granitos mais claros, com menor quantidade de minerais ferro-magnesianos, o quartzo e o feldspato atingem os maiores níveis.

O Granito é formado pela associação dos elementos descritos, sendo que estes se apresentam fisicamente em forma de cristais.

Os grãos minerais componentes do Granito são visíveis ao olho humano, qualidade que o distingue da maioria das pedras ornamentais.

Destarte, a origem, representada pelos elementos de composição, bem como a textura bruta e o processo de transformação e polimento da superfície representam os fatores primordiais para a análise e qualificação do Granito.

No Brasil, em razão dos fatores de composição do Granito, cada região apresenta singularidades próprias, segundo publicação da revista Arquitetura e Construção verifica-se que o Granito proveniente do estado de Minas Gerais, afamados por seus desenhos rebuscados, com movimento, sem seguir um padrão. Destarte, Minas Gerais ser o maior produtor brasileiro de Granitos exóticos.

Tonalidades clássicas, como o Granito lilás-gerais e o Granito verde-candeias, também são beneficiadas pelo Estado Mineiro.

No estado da Bahia verifica-se a tonalidade azuladas das pedras, como o Granito azul-macaúba e o Granito azul-bahia, a qual, entre as variedades nacionais de Granito, possui o maior valor agregado, excetuando-se os caso de Granitos exóticos que são avaliados por método diferenciado.

Proveniente das jazidas de do estado de São Paulo, o Granito azul-fantástico também se destaca pelo preço em razão da plasticidade estética.

O estado de São Paulo também beneficia o Granito verde-ubatuba, o Granito capão bonito, o Granito cinza-mauá, todos batizados com nomes de cidades paulistas.

No estado do Ceára, nota-se a predominância do Granito cinza-prata e do Granito verde-linhares.

O Granito giallo-veneziano é originário do estado de Espírito Santo, maior produtor de Mármore e Granito da América Latina.

Cabe deixar claro que todos os estados brasileiros possuem pedras Granito em seus territórios, sendo certo que, como explicado no texto acima, existe uma grande variedade de classificações em razão das propriedades e qualidades das pedras de Granito e o presente texto somente apresentou uma breve e superficial análise, não se atentando ao rigor técnico dos termos utilizados.

GRANITO

Considerações históricas e Perspectiva para o futuro.

A história do Granito e do Mármore ocorreu de maneira simultânea e homogênea, em razão de ambas as pedras terem sido utilizadas por Egípcios, Gregos, Romanos e povos da Idade Média, conforme apresentado na página sobre a história do Mármore, deste website.

A escolha entre Mármore e Granito na antiguidade, basicamente não se modificou, pois deriva-se de qualidades inerentes a tais tipos de rochas ornamentais.

Desta forma, se verifica que o Mármore é mais utilizado para estátuas, bustos e áreas onde haveria menos abrasão ou atrito, como paredes e fachadas protegidas, ao passo que o Granito é mais utilizado em áreas onde a abrasão e o atrito, são mais severos, ressaltando também a melhor adequação do Granito para áreas que estejam expostas à agentes químicos e biológicos.

Algumas obras e construções da antiguidade se destacam por sua magnitude, plasticidade estética e nível de conservação, demonstrando a absoluta propriedade de perpetuação estético/estrutural proporcionado pelo Granito.

O templo Romano de Évora, também conhecido por Templo de Diana, localizado na cidade de Évora, Portugal, ainda está com sua base completa (o pódio), feito de blocos de granito de formato tanto regular como irregular. O pórtico do templo, que não existe mais, era originalmente um hexastilo. Um total de catorze colunas de granito ainda estão de pé no lado norte (traseiro) da base; muitas das colunas ainda têm seus capitéis em estilo coríntio sustentando a arquitrave. Os capitéis e as bases das colunas são feitos de mármore branco de Estremoz, enquanto as colunas e a arquitrave são feitas de pedras Granito.

Atualmente, as mais variadas espécies de pedras Granito são utilizadas em larga escala, principalmente para revestimento de edificações, sendo uma opção relativamente acessível, à grande parte dos consumidores deste segmento, em razão da ampla diversidade que tal produto oferece.

Estima-se que aproximadamente 80% da produção brasileira de rochas beneficiadas seja utilizada em edificações, onde são utilizadas em pisos, revestimentos, decoração de ambientes, móveis e outras aplicações.

Segundo projeção do geólogo e consultor da Associação Brasileira da Indústria de Rochas Ornamentais (Abirochas), Cid Chiodi, nos últimos cinco anos o Brasil beneficiou para o mercado internacional uma variedade de pedras ornamentais muito maior do que a Europa apresentou nos últimos 300 anos. Entre elas estão os Granitos exóticos, que são, na maioria dos casos, rochas magmáticas ou quartzitos.

Em razão do incontroverso aquecimento do mercado de construção civil, resta evidente que o segmento de Pedras Mármores e pedras Granitos para revestimento acompanha de maneira uniforme tal crescimento.

O Brasil, segundo dados do SEBRAE, possui registradas cerca de 300 empresas mineradoras e 25 empresas de beneficiamento de blocos de mármore e granito com aproximadamente 1.600 teares e, 6.500 marmorarias responsáveis pelo trabalho de acabamento final e aplicação.

Somadas a estas, outras 508 empresas processam as rochas ornamentais para exportações. Segundo tal órgão governamental, o país conta com uma estrutura de extração e beneficiamento de pedras para revestimento equivalente a 2,3 milhões de toneladas por ano, sendo que a região sudeste detém cerca de 81% dessa capacidade.

O setor de Pedras Mármores e pedras Granitos emprega diretamente cerca de 1.500.000 colaboradores divididos nas atividades de extração e processamento das rochas.

Orçamento de Pedras Granito

Ligue para (11) 5061-4300 / (11) 2063-5371 / (11) 5089-2588 ou entre em contato por email.


Telefone para contato
(11) 5061-4300
(11) 2063-5371
(11) 5089-2588
Pedras Ipiranga - mármores, pedras decorativas - Avenida Prof. Abrahão de Morais, 37 - V. Gumercindo - São Paulo/SP - CEP: 04123-010
Este site está protegido pela Lei de Direitos Autorais. (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.